May 9, 2019 / 2:01 PM / 2 months ago

EDP Brasil amplia lucro com transmissão e mira aquisições no setor, diz CEO

SÃO PAULO (Reuters) - A elétrica EDP Brasil registrou lucro líquido de 295,6 milhões de reais no primeiro trimestre, alta de 38 por cento na comparação anual, resultado em parte impulsionado pela recente entrada no segmento de transmissão de energia, no qual pretende avaliar oportunidades de aquisição, disse à Reuters o presidente da companhia, Miguel Setas.

31/08/2017 REUTERS/Ueslei Marcelino

Em dezembro, a EDP Brasil colocou em operação o primeiro projeto decorrente dos aportes em transmissão. A área de negócio contribuiu com 44 milhões de reais para o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda), que somou 705,6 milhões de reais no trimestre, alta de 9,4 por cento ante mesmo período de 2018, segundo balanço na noite de quarta-feira.

A companhia controlada pelo grupo português EDP, que também atua em geração, distribuição e comercialização, ainda ampliou os investimentos em 173 por cento na comparação anual, para 459,9 milhões de reais, principalmente devido ao desenvolvimento de seus negócios em transmissão e aportes em suas unidades de distribuição.

A EDP Brasil pretende continuar ampliando a presença em linhas de transmissão, em movimento que pode incluir aquisições, dado que leilões do governo para a concessão de novos projetos têm apresentado um nível de competição elevado que reduz os retornos, segundo Setas.

“Estamos muito atentos ao mercado. Os leilões estão em um nível de competitividade muito forte... portanto, a empresa voltou-se para o ‘mercado secundário’ de projetos. Estamos analisando alguns projetos que estão no mercado, com estratégia de alargar nossa participação com projetos rentáveis”, disse.

O executivo também destacou que a matriz da EDP reiterou a importância estratégica da unidade brasileira para o grupo ao rejeitar uma sugestão de um investidor ativista, o fundo Elliot, que defendia a venda pela empresa dos negócios no país.

“Claramente é num sinal de que (a unidade no Brasil) é uma peça central para a EDP”, afirmou.

A EDP Brasil somou uma receita operacional líquida de 2,8 bilhões de reais entre janeiro e março, ligeira alta de 0,8 por cento ano a ano.

Já os chamados gastos gerenciáveis com pessoal, material e serviços (PMSO) recuaram 0,6 por cento na comparação anual, incluindo algumas provisões.

A EDP Brasil ainda viu um aumento de 11,3 por cento no resultado de participações societárias, para 1,02 bilhão de reais no trimestre, enquanto o Ebitda teve uma contribuição de 44 milhões de reais decorrente dos negócios de transmissão.

A elétrica finalizou o trimestre com dívida bruta de 7,5 bilhões de reais e 3,3 bilhões em caixa, o que representou uma alavancagem medida pela relação entre dívida líquida e geração de caixa (Ebitda) de 1,5 vezes, ou 1,8 vezes considerando dívidas em projetos nos quais a empresa tem participação acionária.

Por Luciano Costa

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below