May 10, 2019 / 3:55 PM / 5 months ago

Com moagem menor, produção de açúcar do CS cai 38,9% em abril; etanol recua 19,17%

SÃO PAULO (Reuters) - A produção de açúcar do centro-sul do Brasil caiu 38,9% em abril de 2019, atingindo 1,375 milhão de toneladas, diante de problemas climáticos que afetaram o início da moagem de cana da safra 2019/20, informou nesta sexta-feira a União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica).

Do total produzido em abril, a maior parte do volume, 1,03 milhão de toneladas, foi produzido na segunda quinzena.

Na segunda parte de abril, a moagem pelas usinas da principal região produtora de cana do Brasil somou 31,56 milhões de toneladas, queda de 16,5% ante o mesmo período na safra 2018/2019

A moagem no mês foi de 45,4 milhões de toneladas, recuo de 24,5%, levando também a uma queda na produção de etanol de quase 20%.

“Mesmo com uma redução na oferta de matéria-prima em virtude das condições climáticas adversas que alteraram a programação de início das unidades produtoras, a safra segue mais alcooleira do que no último ciclo”, destacou a Unica, em referência ao etanol, que está remunerando mais que o adoçante.

Da quantidade total de cana processada na quinzena, apenas 30,83% foi destinada à fabricação de açúcar, ante os 35,5% registrados na mesma data de 2018. Dessa forma, o mix para etanol atingiu agora quase 70%.

Em abril, o total de cana processada para o etanol foi até maior (71,36%). Isso não foi suficiente para evitar uma redução na produção de etanol de 19,17% em abril, para 2,23 bilhões de litros.

A queda na moagem ocorreu também com um menor número de usinas em operação: 216 até dia 30 de abril, versus 233 unidades industriais em igual data do último ano.

A expectativa é de que 27 empresas devem iniciar o processamento da safra 2019/2020 na primeira quinzena de maio.

Além do menor número de usinas que já iniciaram a safra, a qualidade da matéria-prima processada na segunda quinzena de abril, mensurada a partir da concentração de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR), caiu 7,02%, atingindo 111,63 kg por tonelada em 2019. No acumulado até 30 de abril, o indicador de qualidade assinala retração de 3,63% ante 2018/2019.

VENDAS DE ETANOL EM ALTA

As vendas de etanol pelas unidades da região centro-sul somaram 1,32 bilhão de litros na segunda quinzena de abril, sendo 47,95 milhões de litros destinados à exportação e 1,27 bilhão de litros ao mercado interno, disse a Unica.

Em abril, as vendas de etanol pelo centro-sul somaram 2,50 bilhões de litros —1,83 bilhão de hidratado e 666,61 milhões de anidro. Do total, 54,86 milhões de litros foram para exportação e 2,45 bilhões para o mercado interno —com destaque para as vendas domésticas de hidratado que registraram aumento acumulado de 35,94% sobre o último ano safra.

Por Roberto Samora

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below