May 28, 2019 / 5:25 PM / 3 months ago

Índices recuam, possível multa à Itália pressiona bancos

(Reuters) - Os índices acionários europeus recuaram nesta terça-feira, com as ações de bancos capturando a atenção de investidores uma vez que as preocupações com uma possível multa à Itália devido ao endividamento do país pesou sobre o sentimento de risco.

REUTERS/Staff

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,23%, a 1.480 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,22%, a 376 pontos.

As ações de bancos recuaram 0,4% e as do setor químico caíram 1%.

O índice de Milão FTMIB caiu 0,5%, com o vice-primeiro-ministro do país dizendo que a União Europeia pode impor uma multa de 3 bilhões de euros ao país por quebrar as regras da UE devido ao aumento da dívida e déficit estrutural.

As declarações de Matteo levaram os rendimentos dos títulos italinos a subirem, ao mesmo tempo em que pressionaram as ações bancárias do país na outra direção.

O índice de bancos da Itália caiu 1,2%, para o menor nível de fechamento desde o começo de fevereiro.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,12%, a 7.268 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,37%, a 12.027 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,44%, a 5.312 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,50%, a 20.260 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,27%, a 9.191 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,67%, a 5.106 pontos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below