June 5, 2019 / 2:30 PM / 5 months ago

China vai incentivar reabastecimento de rebanho de suínos após peste suína

Criação de porcos em fazenda nos arredores de Pequim 07/09/2012 REUTERS/David Gray

PEQUIM (Reuters) - A China vai incentivar o reabastecimento do rebanhos de suínos do país e fortalecerá a produção de carne de frango, carne bovina e de carneiro para aumentar a oferta de carne, informou o governo nesta quarta-feira.

A medida segue-se a surtos de peste suína africana que têm assolado o rebanho de suínos da China, o maior do mundo, aumentando preocupações quanto à escassez da carne preferida pelos consumidores no país.

A China registrou mais de 120 surtos da doença em todas as suas províncias e regiões continentais, além da ilha de Hainan e Hong Kong, desde que ela foi detectada pela primeira vez no país no início de agosto passado.

A doença pode reduzir a produção de carne suína do país em 30% neste ano, segundo o Rabobank.

O rebanho de suínos para reprodução da China caiu 22% em abril em relação ao ano passado, a maior queda já registrada.

O governo chinês instou as autoridades provinciais no início da semana a oferecer apoio financeiro às fazendas para ajudar a estabilizar a produção de carne suína.

Reportagem de Hallie Gu e Shivani Singh

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below