June 18, 2019 / 3:31 PM / a month ago

Dólar cai 1% ante real antes de Fed e de olho no exterior

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar caía mais de 1% ante o real nesta terça-feira, com investidores à espera da decisão de política monetária do Federal Reserve na quarta-feira e com otimismo no pregão pela ausência de notícias ruins, tanto no front doméstico quanto externo.

REUTERS/Sergio Moraes

Às 12:23, o dólar BRBY recuava 1,23%, a 3,8527 reais na venda

Na véspera, o dólar fechou quase estável, com variação positiva de 0,03%, a 3,9005 reais na venda.

Neste pregão, o dólar futuro DOLc1 cedia cerca de 0,94%.

De maneira geral, as negociações de câmbio refletiam um bom humor de agentes, sem notícias prejudiciais no âmbito local ou interno, abrindo margem para uma valorização do real frente ao dólar.

“A ausência de notícias ruins faz com que o mercado de forma geral desmonte sua retaguarda e saia vendendo. Não tem fluxo, então é desmonte de posições”, explicou o superintendente da Correparti Corretora Ricardo Gomes da Silva.

Investidores concentram atenções na reunião do Fed na quarta-feira. A expectativa é que o banco central norte-americano sinalize sobre a proximidade de um corte de juros. À espera do Fed e também da decisão do Copom, agentes financeiros adotam cautela.

O anúncio do Banco Central de realização de leilões de linha para rolagem nesta sessão e na próxima também concentra atenção de agentes financeiros, que viram com bons olhos a ação da autoridade monetária.

“Com esses eventos de grande peso no radar, o BC foi muito bem em já fazer a rolagem... Caso o mercado estresse por algum motivo, o BC estará lá pelo menos vendendo 2 bilhões de dólares hoje e 2 bilhões de dólares na quarta-feira”, avaliou o operador de câmbio da corretora H.Commcor Cleber Alessie Machado.

De acordo com Machado, leilões de linha com finalidade de rolagem não costumam pesar no mercado, mas neste caso, por ser uma rolagem antecipada, reflete no câmbio.

Nesta terça-feira, o BC fez a rolagem do lote integral de 2 bilhões de dólares ofertado em dois leilões de linha de moeda estrangeira com compromisso de recompra.

Na quarta-feira, realizará outros dois leilões com a mesma finalidade, ofertando um total de 2 bilhões de dólares novamente.

Soma-se a esses fatores o cenário externo, onde o dólar perde frente a moedas emergentes, devido a um otimismo cauteloso antes da decisão do Fed, movimento que o real acompanha em parte.

Também ajudou o sentimento a declaração do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de que as negociações comerciais com a China serão retomadas antes da cúpula do G20 neste mês, quando ele deve se reunir com o presidente chinês, Xi Jinping.

Agentes financeiros ainda trazem no radar de maneira otimista o início das discussões sobre o parecer do relator à reforma da Previdência, apresentado no fim da semana passada, na comissão especial.

O BC vendeu nesta terça-feira todos os 5,05 mil contratos de swap cambial tradicional ofertados em rolagem do vencimento julho.

Em 34 operações, o BC já rolou 8,585 bilhões de dólares, de um total de 10,089 bilhões de dólares a expirar em julho. O estoque de swaps do BC no mercado é de 68,863 bilhões de dólares.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below