June 21, 2019 / 6:22 PM / 3 months ago

S&P 500 bate recorde histórico com otimismo comercial, mas volta a perder força

Operadores na Bolsa de Valores de Nova York. 20/06/2019. REUTERS/Brendan McDermid

(Reuters) -

O índice S&P 500 bateu uma nova máxima histórica pela segunda sessão consecutiva nesta sexta-feira, mas já operava em ligeira queda, com o aumento das tensões entre os Estados Unidos e o Irã mantendo certa cautela entre investidores.

Mais cedo, o S&P 500 havia tocado uma máxima recorde intradiária de 2.964,63 pontos, amparado por esperanças de negociações comerciais entre Washington e Pequim, depois da decisão do vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, de adiar um discurso sobre a política chinesa.

A decisão foi tomada em meio a “sinais positivos” de que as negociações comerciais com a China possam estar de volta aos trilhos, informou o The Wall Street Journal, citando autoridade de alto escalão do governo.

Os Estados Unidos e a China afirmaram que retomarão suas negociações comerciais, após pausa recente, na cúpula do G20 no Japão na semana que vem.

“Os investidores estão cautelosamente otimistas em relação à cúpula do G20. Se eles fizerem progressos, os mercados celebrarão isso”, disse Michael Antonelli, estrategista de mercado da Robert W. Baird.

Às 14:50 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,15%, a 26.792 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 0,023357%, a 2.953 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 0,17%, a 8.038 pontos.

(Por Amy Caren Daniel e Shreyashi Sanyal)

Redação São Paulo, +5511 5644 7757 REUTERS JCG IV

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below