June 28, 2019 / 8:09 PM / 21 days ago

Brasil ganha acesso a mercado de carne suína da UE com acordo comercial, diz ABPA

Processamento de aves em frigorífico de Itatinga (SP) 04/10/2011 REUTERS/Paulo Whitaker

SÃO PAULO (Reuters) - O acordo comercial entre Mercosul e União Europeia vai gerar benefícios a exportadores de aves, suínos e ovos processados do Brasil, disse nesta sexta-feira a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) em nota.

Há pelo menos meia década o Brasil realizava investidas para embarcar carne suína e ovos processados brasileiros para o Bloco Europeu, destacou a associação.

A cota total de exportações de carne de frango será de 180 mil toneladas no ciclo de 12 meses, notou a ABPA.

“O volume acordado é expressivo, suficiente para que o Brasil mantenha sua posição com parceiro em prol da segurança alimentar europeia”, afirmou em nota o diretor-executivo da ABPA, Ricardo Santin, que acompanhou as negociações para o tratado em comitiva do Ministério da Agricultura em Bruxelas.

“O ano de 2019 marca um novo momento para o setor de proteína animal do Brasil, com a possibilidade de embarcar um fluxo maior para um dos mais relevantes mercados consumidores globais”, disse o presidente da entidade, Francisco Turra.

Por Gabriel Araujo; edição de Roberto Samora

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below