July 29, 2019 / 1:20 PM / in 2 months

Lucro da Ryanair cai 21% com excesso de capacidade derrubando preço de passagens

23/08/2018 REUTERS/Hannah McKay/File Photo - RC15A7B0A2D0

DUBLIN (Reuters) - A Ryanair divulgou uma queda de 21% no lucro trimestral nesta segunda-feira, uma vez que a guerra de preços em vários mercados europeus reduziu o valor das passagens, mas a empresa manteve sua meta de lucro anual conforme os passageiros continuavam gastando em extras durante os voos.

O valor médio das passagens no verão na maior aérea de baixo custo da Europa provavelmente cairão 6% em relação ao ano passado, já que as companhias aéreas reduziram os preços para estimular a demanda, particularmente na Alemanha e no Reino Unido, disse a empresa.

Isso ajudou a deixar o lucro depois de impostos em 243 milhões de euros nos três meses até 30 de junho, ante 309 milhões no mesmo período do ano passado, ligeiramente à frente de uma previsão de analistas de 232 milhões de euros.

No início deste mês, a Ryanair reduziu para metade as suas metas de crescimento para o próximo ano devido aos atrasos do 737 MAX.

Mas nesta segunda-feira, ela reiterou sua previsão de lucro para o ano até 31 de março de 2020, para entre 750 milhões e 950 milhões de euros, afirmando que a demanda por itens opcionais como assentos pré-reservados e bebidas era forte.

Diante dos resultados, uma pesquisa de opinião com analistas mostrou uma previsão média de 832 milhões de euros de lucro para o ano.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below