August 6, 2019 / 10:25 PM / in 3 months

Raízen e Femsa têm plano "agressivo" para nova empresa do setor de conveniências

SÃO PAULO (Reuters) - A companhia mexicana Femsa fechou acordo com o grupo Raízen, do setor de distribuição de combustíveis, para comprar 50% da Raízen Conveniências, acordo que prevê a formação de uma joint venture para buscar “agressivo” crescimento em um promissor mercado nos próximos anos, prevendo abrir lojas inclusive fora dos postos.

Loja Oxxo, que mexicana Femsa trará ao Brasil a partir de joint venture com a Raízen 30/07/2003 REUTERS/Henry Romero

“Vendemos 50% das ações para a Femsa, que por sua vez aportará um pedaço do dinheiro na empresa para poder suportar os primeiros anos de crescimento, e a outra parte vem para a Raízen Combustíveis”, disse à Reuters o vice-presidente Comercial da Raízen, Leonardo Pontes, sem dar detalhes.

Para a transação foi considerado um “enterprise value” de 1,12 bilhão de reais, tendo como premissa a compra de fatia em uma empresa livre de quaisquer dívidas ou caixa, segundo fato relevante publicado nesta terça-feira pela Raízen, uma parceria entre a Cosan e a Shell.

“A empresa está muito capitalizada para suportar um plano muito agressivo de crescimento nos primeiros anos”, acrescentou Pontes, em referência à nova empresa na qual Raízen Combustíveis e a Femsa Comercio serão, respectivamente, acionistas da Raízen Conveniências na proporção 50/50 do capital.

Ele disse ter estudos que apontam um forte desenvolvimento do mercado de conveniência nos próximos cinco a 10 anos no Brasil. “Se tem 20 mil (lojas) em potencial, alguns jogadores vão querer jogar, e nós seremos um dos jogadores.”

A joint venture, que contará com estrutura profissional e de governança próprias, prevê expandir no segmento de conveniência dentro dos próprios postos Shell com a marca “Select”, onde há grande potencial —nos 6,5 mil postos, há apenas mil lojas.

De outro lado, a joint venture vai investir em lojas de conveniência fora dos postos, com a marca “Oxxo”.

Segundo Pontes, a nova empresa abre uma nova frente. “Vamos atacar com duas marcas (Select e Oxxo), e por trás há toda uma sinergia, uma empresa só, centro de distribuição...”

O executivo disse que haverá alguma diferença nos produtos ofertados pela Select e Oxxo, mas não detalhou.

O grupo Femsa já atua no segmento com a marca Oxxo com mais de 18 mil lojas no México, Chile, Colômbia e Peru, contando ainda com uma divisão de saúde, que inclui farmácias e atividades relacionadas.

Por Roberto Samora

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below