August 7, 2019 / 12:56 PM / 11 days ago

BC da China nega rumores sobre cortes de juros

PEQUIM (Reuters) - O banco central da China negou nesta quarta-feira rumores que estavam circulando online sobre sua suposta decisão de cortar as taxas referenciais de depósito e de empréstimo a partir de 10 de agosto, dizendo que pediu à polícia que investigue.

O Banco do Povo da China fez a declaração em sua conta oficial de mídia social, mas não deu outros detalhes.

A Reuters não pôde verificar de forma independente a fonte dos rumores.

A China deixou o iuan romper o nível de 7 por dólar na segunda-feira pela primeira vez em mais de uma década, um sinal de que Pequim está disposta a tolerar mais fraquezas cambiais que podem intensificar ainda mais um conflito comercial com os Estados Unidos.

Mais cedo na quarta-feira, três bancos centrais regionais — Índia, Nova Zelândia e Tailândia — cortaram suas taxas de juros em uma tentativa de estimular o crescimento.

Por Stella Qiu, Cheng Leng e Kevin Yao

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below