August 25, 2019 / 4:08 PM / a month ago

Trump lamenta não ter elevado ainda mais tarifas sobre China, diz Casa Branca

BIARRITZ, França (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, gostaria de ter aumentado ainda mais as tarifas sobre produtos chineses, disse a Casa Branca neste domingo, tentando esclarecer observações anteriores que sugerem que Trump lamentou sua decisão na sexta-feira de intensificar sua guerra comercial com Pequim.

Donald Trump, presidente dos EUA, durante cúpula do G7 em Biarritz, França, 25/08/2019. REUTERS/Carlos Barria

Trump levantou as sobrancelhas durante uma reunião com o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, no G7, quando respondeu afirmativamente a perguntas de repórteres sobre se ele tinha dúvidas sobre aumentar as tarifas sobre produtos chineses em 5%.

“O presidente Trump respondeu afirmativamente - porque lamenta não ter aumentado as tarifas ainda mais”, disse ela em comunicado”, disse a porta-voz da Casa Branca Stephanie Grisham em um comunicado.

Na sexta-feira, Trump anunciou imposto adicional sobre cerca de 550 bilhões de dólares em produtos da China, horas depois que Pequim divulgou tarifas retaliatórias sobre 75 bilhões de dólares em produtos norte-americanos.

Os movimentos foram a última rodada de uma guerra comercial entre as duas maiores economias do mundo que tem prejudicado o crescimento global, incomodado aliados e aumentado os temores do mercado de que a economia mundial entrará em recessão.

O assessor econômico da Casa Branca, Larry Kudlow, disse no domingo que não espera que a China retalie ainda mais.

“Acho que foi uma ação para responder à ação deles. Duvido que eles deem mais um passo”, disse Kudlow no programa “Face the Nation” da CBS. “Nós vamos ter que esperar e ver.”

Em uma aparição separada neste domingo, o secretário do Tesouro dos EUA, Steven Mnuchin, disse que Trump e o presidente chinês Xi Jinping se tornaram “inimigos” do comércio, apesar de um bom relacionamento em outras áreas.

“O presidente Xi ainda é seu amigo”, disse ele no programa “Fox News Sunday”. “Mas, no que diz respeito a questões financeiras e comerciais, nos tornamos inimigos. Não estamos progredindo”, disse Mnuchin, que tem ajudado a liderar negociações comerciais com a China.

DÚVIDAS SOBRE TUDO

Durante sua reunião com Johnson neste domingo na França, Trump foi questionado se ele tinha dúvidas sobre sua última escalada.

“Sim, claro, por que não?” ele disse.

O repórter repetiu a pergunta e Trump respondeu: “Posso até ter. Posso até ter.”

Um segundo repórter seguiu de novo, perguntando se ele tinha dúvidas sobre a escalada da guerra comercial com a China.

“Eu tenho dúvidas sobre tudo”, respondeu Trump.

Na sexta-feira, após a retaliação da China, o presidente disse que estava ordenando que as empresas norte-americanas encontrassem alternativas para não fazer negócios na China e transferissem operações para os Estados Unidos.

Mnuchin disse que Trump teria autoridade para ordenar que empresas saíssem da China sob a Lei Internacional de Poderes Econômicos de Emergência se declarasse uma emergência nacional.

Trump disse que não estava pensando em tomar essa ação no momento.

“Eu poderia declarar uma emergência nacional. Acho que quando eles roubam e roubam, e - roubo de propriedade intelectual, algo entre 300 bilhões e 500 bilhões de dólares por ano, e onde temos uma perda total de quase um trilhão de dólares por ano... de muitas maneiras, isso é uma emergência “, disse.

“Não tenho um plano no momento. Na verdade, estamos nos dando muito bem com a China no momento. Estamos conversando.”

Ainda assim, Mnuchin e Kudlow disseram que Trump queria que as empresas norte-americanas começassem a procurar desviar os investimentos da China.

“Queremos que eles estejam em lugares onde sejam parceiros comerciais que nos respeitem e negociem conosco de maneira justa”, disse Mnuchin, dizendo que as empresas americanas estariam melhor contando menos com a China caso a guerra comercial durasse muito tempo.

Reportagem adicional de David Morgan and Ginger Gibson em Washington

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below