September 4, 2019 / 11:00 AM / 2 months ago

Crescimento da atividade empresarial na zona do euro continua fraco - PMI

LONDRES (Reuters) - O crescimento dos negócios na zona do euro no mês passado andou em ritmo levemente mais rápido que o esperado, mas permaneceu fraco, já que o dominante setor de serviços do bloco apenas parcialmente compensou uma desaceleração no segmento manufatureiro, de acordo com uma pesquisa divulgada nesta quarta-feira.

No que é preocupante para os formuladores de política monetária do Banco Central Europeu (BCE), que deve cortar juros na próxima semana, os indicadores prospectivos da pesquisa indicam que não haverá uma reviravolta em breve.

O índice de gerentes de compras (PMI) do IHS Markit, considerado um bom indicador da saúde econômica geral, subiu 51,9 em agosto, em relação aos 51,5 de julho.

O dado final veio ligeiramente acima da leitura preliminar (51,8), mas se manteve perigosamente perto da marca 50, que separa crescimento da contração.

“A pequena revisão de alta do PMI da zona do euro em agosto ainda aponta o lento crescimento do PIB no início do segundo semestre. E a queda nas vendas no varejo em julho sugere que o consumo começou o terceiro trimestre em ritmo fraco”, disse Melanie Debono, da Capital Economics.

O IHS Markit informou que o PMI composto apontou um crescimento econômico de apenas 0,2% neste trimestre, igualando a previsão em uma pesquisa da Reuters. O IHS Markit observou que dados oficiais sugerem que o crescimento pode ser ainda mais fraco.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below