for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Carf decide contra B3 em caso de incorporação da Bovespa Holding

Martelo de leiloeiro acima de logotipo da BM&FBovespa, hoje B3. 17/7/2015. REUTERS/Nacho Doce/F

SÃO PAULO (Reuters) - A operadora da bolsa de valores de São Paulo, B3, informou nesta quarta-feira que o Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) acatou recurso da Procuradoria Geral da Fazenda em caso bilionário em que a empresa é acusada de ter amortizado irregularmente o ágio gerado pela incorporação da Bovespa Holding, em 2008.

Com a decisão do Carf, emitida nesta quarta-feira, a B3 afirmou que vai recorrer à Justiça para reverter a decisão.

Segundo a B3, o valor atualizado do processo até o final de junho é de 2,7 bilhões de reais.

Por Alberto Alerigi Jr.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up