February 28, 2020 / 8:28 PM / 3 months ago

Metais preciosos se juntam à queda livre dos mercados; ouro recua mais de 3%

Barras de ouro são exibidas no escritório central da GoldSilver em Cingapura 19/06/2017 REUTERS/Edgar Su

(Reuters) - O paládio comandava uma queda livre nos mercados de metais preciosos nesta sexta-feira, chegando a despencar mais de 12%, enquanto o ouro cedia mais de 3%, rumo ao maior recuo diário em quase sete anos, à medida que o pânico desencadeado pelo coronavírus estimulou investidores a liquidarem ativos de forma generalizada.

As fortes baixas também atingiram outros metais preciosos, com a platina caindo até 6,1% e a prata afundando 6,6%.

“Muitos investidores e operadores estão tendo de atender às chamadas de margem para outros produtos, e estão vendendo o que conseguem. É por isso que o ouro e as ações de mineradoras de ouro estão sendo afetadas”, disse Michael Matousek, operador-chefe da Global Investors.

“As pessoas estão tentando vender tudo o que for possível. É uma liquidação generalizada.”

Por volta das 17h10 (horário de Brasília), o preço spot do ouro recuava 3,58%, a 1.583 dólares por onça.

Enquanto isso, o paládio cedia 10,9%, a 2557,75 dólares por onça. A platina atingiu a maior baixa semanal desde 2011, enquanto a prata caminhava para a pior semana desde 2013.

Reportagem de Swati Verma e Brijesh Patel, em Bangalore

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below