April 10, 2020 / 3:38 PM / 2 months ago

Arsesp determina reajuste de 2,5% para tarifas da Sabesp, mas adia aplicação

Ponte Octavio Frias de Oliveira, vazia, durante quarentena em São Paulo em decorrência do coronavírus 24/03/2020 REUTERS/Leonardo Benassatto

SÃO PAULO (Reuters) - A agência reguladora de água e energia do Estado de São Paulo, Arsesp, definiu em 2,49% o índice de reajuste a ser aplicado nas tarifas da Sabesp (SBSP3.SA), informou a companhia estadual de saneamento na noite da quinta-feira.

Mas, diante de pedido do governo estadual para adiamento da aplicação do reajuste nas tarifas, a Arsesp definiu que as novas tabelas de preços terão publicação adiada para 10 de junho, com aplicação apenas após 30 dias, informou a Sabesp.

Ajustes “compensatórios pela postergação” da aplicação do reajuste serão realizados nas tarifas entre 10 de julho e 10 de maio do próximo ano.

A Sabesp afirmou ainda que a Arsesp vai avaliar a situação de equilíbrio financeiro da companhia “a fim de restabelecê-lo oportunamente, se necessário”, como resultado da ordem de isenção de tarifas para 2 milhões de consumidores de baixa renda no Estado impactados pelos efeitos da epidemia de Covid-19.

Executivos da empresa afirmaram no final de março que a medida de isenção de tarifa atinge um público responsável por apenas 1,4% de sua receita, algo em torno de 60 milhões de reais. [nL1N2BO1HI]

Por Alberto Alerigi Jr.; Edição de Pedro Fonseca

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below