for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

BC da China injeta 700 bi de iuanes em empréstimos por MLF

Prédio do banco central da China em Pequim. REUTERS/Jason Lee/File Photo

XANGAI (Reuters) - O banco central da China rolou nesta segunda-feira empréstimos de médio prazo que estavam para vencer ao mesmo tempo em que deixou inalterado o custo de empréstimo pelo quarto mês seguido.

O Banco do Povo da China informou em comunicado que manteve em 2,95% os juros sobre 700 bilhões de iuanes (100,74 bilhões de dólares) em empréstimos do instrumento de médio prazo de um ano (MLF) para instituições financeiras.

A nova injeção de dinheiro vai superar dois grupos de empréstimos do MLF que vencerão em agosto, com um volume total de 550 bilhões de iuanes.

O banco central disse no comunicado que a rolagem é uma operação extraordinária na MLF para o mês para “atender totalmente a demanda do mercado”.

Ele também disse que injetou outros 50 bilhões de iuanes através de recompras reversas de sete dias, também mantendo o custo de empréstimo.

Reportagem de Winni Zhou e Andrew Galbraith

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up