for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Futuros do minério de ferro saltam na China com demanda firme por aço

Terminal de minério de ferro do porto de Dalian, China 21/09/2018 REUTERS/Muyu Xu

MANILA (Reuters) - Os futuros do minério de ferro saltaram nesta terça-feira, com ganhos tanto na bolsa chinesa de Dalian quanto em Cingapura, em meio a expectativas de que o uso de aço na China deve seguir firme nos próximos meses, compensando uma demanda fraca no exterior.

O contrato mais negociado do minério de ferro na bolsa de commodities de Dalian, para entrega em janeiro de 2021, encerrou a sessão com alta de 3,5%, a 863 iuanes (124,51 dólares) por tonelada, na quarta sessão consecutiva de avanço.

O primeiro contato na bolsa de Cingapura, para setembro, subiu 3%, para 120,42 dólares por tonelada na sessão da tarde, na terceira sessão de ganhos.

“Os participantes do mercado estão vendo um forte segundo semestre para a demanda chinesa por aço, que deve manter os preços do aço e do minério de ferro acima de estimativas anteriores”, disse o economista senior da Westpac Economic Research, Justin Smirk.

Interrupções na oferta por conta da pandemia de Covid-19 também devem dar algum apoio ao preço do material usado na fabricação do aço antes que a crise do vírus tenha algum alívio no próximo ano, acrescentou ele em relatório mensal sobre o mercado.

O minério de ferro de referência (62% de gradação) no mercado spot para entrega na China saltou para máxima de 13 meses de 121,50 dólares por tonelada na segunda-feira, segundo a consultoria SteelHome.

O vergalhão de aço para construção na bolsa de Xangai avançou 0,7%.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up