for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

S&P 500 bate máxima recorde pelo 2º dia após balanços de Target e Lowe's

28/12/2016 REUTERS/Andrew Kelly

(Reuters) - O S&P 500 e o Nasdaq escalaram máximas recordes nesta quarta-feira após resultados das varejistas Target e Lowe’s superarem as estimativas, um dia após o S&P 500 ter concluído sua recuperação mais rápida de um mercado em baixa.

A rede varejista Target Corp saltava 9,5% após informar o melhor crescimento de vendas comparáveis e receita online, que quase triplicaram.

A rede de artigos para o lar Lowe’s avançava 1,4% depois de superar as estimativas de vendas trimestrais nas mesmas lojas, pois se beneficiou de um aumento na demanda por seus produtos de consumidores em isolamento social.

A maior rival da Lowe’s, a Home Depot Inc, e a gigante varejista Walmart Inc relataram resultados semelhantes na terça-feira.

No entanto, o índice de varejo do S&P 500 caía 0,4%, pressionado pela queda de 0,9% na Amazon.com Inc.

“Esses balanços estão refletindo a reabertura da economia e os cheques de estímulo”, disse Peter Cardillo, economista-chefe de mercado da Spartan Capital Securities, em Nova York.

O S&P 500 fechou em máxima histórica na terça-feira, recuperando-se de perdas dramáticas causadas pela pandemia. O Dow Jones ainda está cerca de 5% abaixo do recorde de fechamento de fevereiro.

Às 11:54 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,36%, a 27.879 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,187918%, a 3.396 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 0,15%, a 11.227 pontos.

Reportagem de Medha Singh e Ambar Warrick

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up