for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

S&P 500 sobe e Nasdaq tem viés de alta com Amazon e Apple

Bandeira dos EUA vista do lado de fora da Bolsa de Valores de Nova York (NYSE), 21 de setembro de 2020. REUTERS/Andrew Kelly

(Reuters) - O índice S&P 500 avançava e o Nasdaq oscilava entre leve alta e estabilidade nesta terça-feira, amparados por uma recuperação nas ações da Amazon.com e da Apple, enquanto a incerteza sobre mais estímulos fiscais nos Estados Unidos limitava as oscilações dos componentes do Dow Jones.

Amazon.com saltava 2,2%, depois que a corretora Bernstein elevou a recomendação de suas ações para “outperform” (acima da média do mercado), dizendo que a empresa continuará a receber impulso de assinantes premium e comerciantes terceirizados mesmo após a pandemia.

Microsoft, Apple, Alphabet e Facebook, que juntas impulsionaram uma recuperação em Wall Street desde um tombo causado pelo coronavírus em março, avançavam entre 0,3% e 0,9% nesta manhã.

Sete dos 11 principais índices do S&P 500 eram negociados em alta, com os setores imobiliário e de consumo não essencial liderando os ganhos.

“Hoje é uma espécie de dia de reavaliação, em que investidores vão avaliar se o recuo recente pode se aprofundar ainda mais”, disse Sam Stovall, estrategista-chefe de investimentos da CFRA.

Os mercados de ações nos EUA começaram a semana com desempenho fraco, já que temores sobre uma nova rodada de lockdowns na Europa e um impasse no Congresso norte-americano sobre o tamanho e formato de outro projeto de auxílio para combate aos efeitos do coronavírus abalaram esperanças de uma rápida recuperação econômica.

Às 11:56 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 0,18%, a 27.099 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,398042%, a 3.294 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq rondava estabilidade.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up