13 de Abril de 2012 / às 11:58 / em 6 anos

Parlamento português aprova pacto fiscal da União Europeia

LISBOA, 13 Abr (Reuters) - O Parlamento de Portugal aprovou nesta sexta-feira um importante tratado europeu sobre disciplina fiscal por uma ampla maioria, confirmando o grande consenso político que tem permitido que o país endividado tenha bom desempenho no primeiro ano sob o resgate da União Europeia (UE) e do Fundo Monetário Internacional (FMI).

O pacto foi aprovado por 204 votos a 24, com duas abstenções, após o Partido Socialista, principal partido de oposição, declarar seu apoio incondicional no dia anterior.

Uma lei sobre limites de déficit ainda precisa ser detalhada, o que pode ser um processo longo, mas a confirmação de tal apoio político para o pacto de disciplina orçamentária inspirado na Alemanha é um sinal positivo para Portugal, com muitos investidores acreditando que será necessário um segundo resgate ao país.

Reportagem de Andrei Khalip

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below