May 24, 2013 / 5:29 PM / 7 years ago

Com chuvas, Santos volta a ter atrasos nos embarques e filas de caminhões

Por Gustavo Bonato

SÃO PAULO, 24 Mai (Reuters) - As principais rodovias de acesso ao porto de Santos, o maior da América Latina, voltaram a ficar congestionados de caminhões, com a chuva dos últimos dias prejudicando o escoamento da safra de grãos e de açúcar.

Na manhã desta sexta-feira, havia cerca de 11 quilômetros de filas na rodovia Cônego Rangoni, no acesso aos terminais que ficam no município do Guarujá, e cerca de 6 quilômetros na rodovia Anchieta, na chegada ao litoral, “por dificuldade no acesso de veículos comerciais aos terminais portuários”, segundo informações do site da concessionária EcoVias.

Chove com frequência desde quarta-feira em Santos, o que impede a abertura dos porões dos navios para receber grãos e açúcar, disseram agentes marítimos.

“Atrasa o embarque do navio, não sai carga do terminal e não tem espaço para colocar a carga que está chegando. Gera filas”, avaliou o gerente operacional da agência marítima Orion, William Januzzi.

Segundo a agência marítima SA Commodities/Unimar, há cerca de 30 navios de grãos aguardando para atracar em Santos.

“Conseguiram sair um ou dois navios (nas últimas horas), mas está atrasando bastante. Navios de grãos que eram para ter saído dia 22, dia 23, ainda não saíram”, comentou a porta-voz da agência, Isis Markarian.

Os embarques de soja do Brasil em maio somaram 5,07 milhões de toneladas nas primeiras três semanas do mês e caminham para um recorde mensal, à medida que o país exporta a sua maior safra da história frente a uma forte demanda, de acordo com dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

No entanto, os agentes marítimos afirmam que o ritmo de embarques pode cair um pouco neste final de maio, já que Paranaguá, outro porto importante para o escoamento de grãos, também tem enfrentado clima chuvoso.

“Essa chuva desses últimos dias vai atrasar um pouquinho”, disse Isis.

O levantamento da SA Commodities/Unimar indica que o total de navios atracados ou à espera para atracar, para carregar açúcar, totaliza 38 embarcações, pouco maior que as 34 em igual período do ano passado, somando os portos de Paranaguá e Santos,

Na semana passada, a empresa havia apontado o número de navios para embarcar açúcar estava em 32 navios.

ABRIL

As cargas agrícolas têm sido destaque na movimentação do porto no litoral paulista.

Em abril o complexo movimentou um total de 9,71 milhões de toneladas de cargas, incluindo cargas gerais, o quarto maior movimento mensal de sua história, segundo estatística divulgada nesta semana pela autoridade portuária (Codesp).

O volume de açúcar cresceu 86 por cento ante abril de 2012, atingindo 1,08 milhões de toneladas.

O complexo soja cresceu 23,8 por cento em abril na comparação anual, somando 3,23 milhões de toneladas.

Reportagem adicional de Fabíola Gomes

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below