26 de Novembro de 2013 / às 14:07 / em 4 anos

Demanda por voos domésticos sobe 4,2% em outubro; oferta cai

SÃO PAULO, 26 Nov (Reuters) - A demanda por voos domésticos no Brasil cresceu 4,19 por cento em outubro ante igual período de 2012, no mês considerado o início da alta temporada de fim de ano, informou a Agência de Nacional de Aviação Civil (Anac) nesta terça-feira.

Um Airbus A320 da TAM realiza o taxiamento para decolar conforme um Boing 737 da Gol pousa na pista do aeroporto de Congonhas, em São Paulo. A demanda por voos domésticos no Brasil cresceu 4,19 por cento em outubro ante igual período de 2012, no mês considerado o início da alta temporada de fim de ano, informou a Agência de Nacional de Aviação Civil (Anac) nesta terça-feira. 27/07/2007 REUTERS/Rickey Rogers

Segundo a Anac, este foi o quinto ano consecutivo de crescimento da demanda doméstica para o mês e o melhor resultado para outubro desde o início da série histórica, em 2000.

Ao mesmo tempo, a oferta de voos domésticos teve recuo de 1,46 por cento na mesma base de comparação.

Com exceção da pequena variação positiva de julho de 2013, a oferta tem registrado queda há 14 meses, impactada pelo corte de voos domésticos desde o fim de 2011 das duas maiores empresas do país, TAM e Gol, numa investida para fazer frente ao aumento dos custos de combustível e do dólar frente ao real.

No período de janeiro a outubro de 2013, a demanda doméstica acumulou alta de 0,37 por cento, enquanto a oferta doméstica recuou 4,06 por cento sobre mesma etapa de 2012.

EMPRESAS

Considerando os dados por empresas no mercado doméstico, a TAM, do grupo Latam Airlines, teve diminuição de 5,43 por cento na oferta em outubro, na comparação anual, com leve queda de 0,46 por cento na demanda. A empresa manteve a liderança do mercado em outubro, com participação de 39,26 por cento.

A Anac informou crescimento de 5,19 por cento na oferta da Gol no período, com crescimento de 11,51 por cento na demanda. A companhia encerrou o mês passado com participação de mercado de 36,33 por cento. Os dados, porém, não consideram a WebJet, que teve as operações encerradas no fim de 2012, após ter sido comprada pela Gol.

A empresa aérea informou na véspera ter registrado queda de 8,3 por cento na oferta e de 1,8 por cento na demanda, considerando o fim das operações da WebJet, na mesma base de comparação.

Já a Azul-Trip, que tem participação de 16,38 por cento do mercado, viu a oferta crescer 18,19 por cento e a demanda avançar 23 por cento no período. A Avianca, com fatia de 7,46 por cento do mercado, teve alta de 29,02 por cento na oferta e de 30,6 por cento na demanda.

VOOS INTERNACIONAIS

Em voos internacionais, a oferta total cresceu 4,72 por cento em outubro ante igual mês de 2012, enquanto a demanda subiu 9,95 por cento.

Tanto TAM quanto Gol, as únicas empresas brasileiras que atuam nesse segmento, tiveram alta na oferta, de 1,27 e de 29,35 por cento, respectivamente, enquanto a demanda subiu 7,02 por cento para a TAM e 36,79 por cento para a Gol.

Por Roberta Vilas Boas; Edição de Marcela Ayres

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below