31 de Março de 2014 / às 18:33 / em 4 anos

EUA ampliam área de soja e reduzem de milho em 2014, diz USDA

Por Ros Krasny

WASHINGTON, 31 Mar (Reuters) - Agricultores dos Estados Unidos vão plantar em 2014 a menor área de milho desde 2010 e reduzir também a semeadura de outros cereais para ração, dando preferência para a soja e outras oleaginosas, disse o Departamento de Agricultura (USDA) nesta segunda-feira.

O contrato novembro da soja em Chicago, referência para a nova safra, operava em baixa, enquanto o contrato do milho da nova safra subia mais de 2 por cento, para seu maior nível desde o início de outubro.

O USDA também disse que os estoques de milho até 1 de março, metade do ano comercial 2013/14, estavam levemente abaixo do esperado, enquanto que os estoques de soja estavam dentro das projeções do mercado. A semanas da primeira colheita da nova safra, os estoques de trigo não surpreenderam.

O plantio de soja foi estimado em um recorde de 81,5 milhões de acres (33 milhões de hectares), alta de 6 por cento, sugerindo uma colheita acima de 3,6 bilhões de bushels. O plantio de canola e amendoim deverão subir 29 por cento, segundo o USDA, e o de girassol em cerca de 1 por cento.

Operadores e analistas ouvidos pela Reuters haviam estimado o plantio de soja em 81,075 milhões de acres.

Por outro lado, o plantio de milho deverá cair 4 por cento, para 91,7 milhões de acres, 1 milhão abaixo da média das estimativas do mercado.

O plantio de milho ainda será o quinto maior desde 1944, disse o USDA.

“A maior surpresa é provavelmente a área de milho, que ficou notadamente abaixo da média e em direção às menores estimativas. Isso criou uma situação que reverteu muito bem os futuros do milho. Todo o resto não foi uma grande surpresa”, disse o especialista em futuros do Citigroup Sterling Smith.

Alguns analistas dizem que, ao final, o plantio será maior do que o estimado nesta segunda-feira.

O relatório do USDA aponta para uma safra gigantesca de soja em 2014, presumindo clima regular e uma produtividade de 45,2 bushels por acre, conforme projeções de fevereiro feitas pelo USDA.

O USDA disse que a área de soja irá subir ou pelo menos ficar estável em todos os Estados, exceto Missouri e Oklahoma.

Produtores da Dakota do Norte esperam expandir o plantio em 1 milhão de acres, para um recorde de 5,65 milhões.

O USDA estimou uma recuperação no plantio de algodão, para 11,1 milhões de acres, ou 7 por cento.

ESTOQUES SEM SURPRESAS

O relatório trimestral de estoques de grãos tem tradição em surpreender o mercado, mas o desta segunda-feira teve poucas novidades.

O USDA estimou os estoques de milho nos Estados Unidos em 1 de março em 7,006 bilhões de bushels, alta de 30 por cento ante um ano atrás, com estoques recompostos por uma grande colheita em 2013, após a safra de 2012 ter sido amplamente prejudicada pela seca.

O volume ficou 1 por cento abaixo da média das estimativas de agentes do mercado ouvidos pela Reuters.

Já os estoques de soja foram calculados em 992 milhões de bushels, em queda de 1 por cento ante um ano atrás, e ligeiramente acima da projeção do mercado, com uma forte demanda interna e de exportações absorvendo boa parte da ampla safra colhida no ano passado.

“A soja não será afetada por este relatório. Ele mostra que os estoques continuam apertados”, disse Brian Hoops da Midwest Market Solutions.

Os contratos futuros da soja relacionados à safra velha subiam, em reação aos dados.

Os estoques de trigo, de 1,056 bilhão de bushels, estão 15 por cento abaixo de um ano atrás e levemente acima das expectativas.

Produtores de trigo indicaram plantio de 55,815 milhão de acres este ano, 1 por cento abaixo do registrado no ano passado e acima das expectativas.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below