November 16, 2007 / 4:16 PM / 11 years ago

Painel da ONU prepara documento enfático sobre mudanças no clima

Por Joe Ortiz

Ativistas do Greenpeace protestam com faixas gigantes durante abertura do 27 Plenário do Painel sobre Mudanças Climáticas (IPCC), em Valência. Delegados na reunião das Nações Unidas sobre mudança climática estão perto de concordar sobre um documento que pode influenciar as políticas ambientais por décadas, disseram fontes que acompanham as negociações. Photo by Heino Kalis

VALÊNCIA (Reuters) - Delegados na reunião das Nações Unidas sobre mudança climática estão perto de concordar sobre um documento que pode influenciar as políticas ambientais por décadas, disseram nesta sexta-feira fontes que acompanham as negociações.

O documento, que faz um resumo dos recentes conhecimentos científicos a respeito das causas e efeitos da mudança climática, será apresentado a ministros do Meio Ambiente numa reunião em Bali, na Indonésia, no próximo mês.

A reunião dos ministros em dezembro deve provavelmente acordar uma estratégia de dois anos para a negociação do texto sucessor do Protocolo de Kyoto.

“Acho que o documento vai sair nesta tarde. Depois, nenhum político poderá falar que não sabia o que está acontecendo”, afirmou Han Verolme, diretor do Programa sobre Mudança Climática da organização ambiental WWF.

“Esta reunião é um marco que vai influenciar os técnicos em políticas públicas por décadas”, disse ele à imprensa. O documento diz que a mudança climática é “incontestável”, e que atividades feitas pelos homens, principalmente o uso de combustíveis fósseis, é “muito provavelmente” a causa dos problemas.

“As palavras enfáticas deste painel vão exigir dos governantes ações fortes”, declarou Verolme. “A bola está com os políticos agora.”

Autoridades e cientistas de 130 países se reuniram durante toda a semana em Valência, na Espanha, para o Painel Intergovernamental sobre Mudança Climática. Os delegados condensaram os três relatórios já divulgados neste ano sobre os riscos do aquecimento global.

O documento da conferência será apresentado no sábado.

Com mais de 3.000 páginas, os relatórios sobre as causas, efeitos e possíveis soluções para as mudanças no clima estão sendo transformados num resumo para os governos chegarem a avanços na reunião de Bali.

O documento-resumo deverá dizer que cortes profundos na emissão de gases do efeito estufa são necessários para impedir as ondas de calor que derretem geleiras e aumentam o nível dos mares.

O Protocolo de Kyoto obrigou 36 países industrializados a cortar as suas emissões em pelo menos 5 por cento até 2012. Para um novo acordo, o objetivo seria envolver a China e os Estados Unidos, que ficaram de fora de Kyoto. Os dois são os maiores emissores dos gases.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below