23 de Outubro de 2007 / às 01:39 / 10 anos atrás

BOLSA EUROPA-Mercados avançam e atingem máxima em 10 semanas

(Texto atualizado com fechamento oficial e comentário de analista)

Por Blaise Robinson

PARIS, 2 de outubro (Reuters) - O principal índice das ações européias fechou em alta nesta terça-feira, alcançando o maior nível em dez semanas, em meio à valorização dos bancos com a expectativa de que o pior da crise de crédito já tenha passado.

Os ganhos, porém, foram limitados pela queda das ações de energia, que acompanharam a baixa do petróleo. As mineradoras também recuaram, com o comportamento misto dos preços de metais e os ajustes após a forte alta das últimas duas semanas.

O índice FTSEurofirst 300 .FTEU3, que reúne as principais ações das empresas européias, subiu 0,32 por cento, para 1.568 pontos. É o maior fechamento desde 25 de julho.

As ações das instituições financeiras lideraram a alta, reagindo ao alívio dos investidores provocado pela maior clareza sobre o impacto da crise de crédito nos resultados dos bancos.

“Tem sido uma crise de informação. Nós sabemos que há um lobo entre as ovelhas, mas não sabemos onde. Então quando um banco vem com notícias negativas, o mercado fica aliviado porque pelo menos ilumina um pouco a situação”, disse Pascal Blanque, presidente-executivo do Credit Agricole Asset Management.

O UBS UBS.VX, que na segunda-feira alertou para um prejuízo no terceiro trimestre após baixas contábeis de 3,4 bilhões de dólares, teve alta de 3 por cento, enquanto o Royal Bank of Scotland (RBS.L) subiu 2,9 por cento e o Barclays (BARC.L) fechou em alta de 3,4 por cento.

“O fator-chave aqui é saber a extensão real do abalo na economia real por conta da preocupação com a crise de crédito”, disse Stephen Dowds, diretor de ações internacionais da Northern Trust Global Investments.

Apesar do bom desempenho geral da região, em LONDRES, o índice Financial Times .FTSE fechou em leve baixa, de 0,09 por cento, a 6.500 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX .GDAX subiu 0,31 por cento, para 7.946 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 .FCHI avançou 0,45 por cento, para 5.799 pontos.

Em MILÃO, o índice Mibtel .MIBTEL encerrou praticamente estável, com uma oscilação positiva de 0,02 por cento, a 31.379 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 .IBEX registrou valorização de 1,28 por cento, para 14.790 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 .PSI20 teve alta de 1,93 por cento, para 12.374 pontos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below