5 de Novembro de 2007 / às 09:16 / em 10 anos

Presidente-executivo do Citigroup deixa o cargo

<p>O presidente-executivo do Citigroup, Charles Prince, em confer&ecirc;ncia em T&oacute;quio, dia 25 de outubro. O Citigroup informou na noite de domingo que Prince deixou suas fun&ccedil;&otilde;es, e o banco espera outras perdas cont&aacute;beis relacionadas a empr&eacute;stimos imobili&aacute;rios de alto risco. Photo by Michael Caronna</p>

NOVA YORK (Reuters) - O Citigroup informou na noite de domingo que o chairman e presidente-executivo da instituição, Charles Prince, deixou suas funções, e o banco espera outras perdas contábeis relacionadas a empréstimos imobiliários de alto risco. Essas perdas adicionais, após impostos, devem somar de 5 a 7 bilhões de dólares.

A baixa contábil equivale a um montante entre 8 e 11 bilhões de dólares antes de impostos, disse o Citigroup.

O banco também informou que não tem planos de reduzir seus dividendos e espera que seu capital retorne ao patamar normal até o fim do segundo trimestre de 2008.

Robert Rubin foi nomeado chairman da instituição, enquanto que Sir Win Bischoff foi indicado como presidente-executivo, acrescentou o Citigroup.

REUTERS RA FE

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below