23 de Outubro de 2007 / às 02:08 / em 10 anos

Gol reduz projeção de lucro pela 2a vez em 2 meses

<p>Logo do ABN Amro no centro de Londres. O banco brit&acirc;nico Barclays reconheceu que perdeu a batalha pela aquisi&ccedil;&atilde;o do holand&ecirc;s ABN Amro e o trio de institui&ccedil;&otilde;es financeiras liderado pelo Royal Bank of Scotland caminha para completar a maior compra na hist&oacute;ria da ind&uacute;stria banc&aacute;ria. Photo by Stephen Hird</p>

Por Juliana Siqueira

SÃO PAULO (Reuters) - A Gol reduziu nesta sexta-feira pela segunda vez em cerca de dois meses a previsão de lucro e receita do ano, citando impacto do preço do combustível e problemas da malha aérea no país.

A previsão de lucro por ação, que inicialmente estava entre 3,7 reais a 4,2 reais, caiu em agosto e recuou, novamente, nesta sexta-feira. A expectativa da empresa agora é que o lucro por ação fique entre 1,60 a 2,10 reais.

“A companhia revisou suas projeções para o ano inteiro para contemplar alterações na malha aérea e maiores preços de combustível, e os resultados esperados do terceiro e do quarto trimestres de 2007”, afirmou a empresa em comunicado divulgado esta manhã.

No segundo trimestre a Gol anunciou queda de 60 por cento no lucro, influenciado pela incorporação de créditos fiscais da Varig e por efeitos da crise aérea.

A projeção para receita líquida no ano foi reduzida, passando de um valor entre 5,5 e 5,7 bilhões de reais para algo entre 5,2 e 5,4 bilhões de reais.

A empresa prevê agora margem operacional entre 7 e 11 por cento, frente à projeção anterior que indicava margem entre 12 e 15 por cento.

A estimativa para a taxa de ocupação também foi revisada para baixo: passou de 68 a 70 por cento para 64 a 66 por cento. Enquanto isso, o crescimento do ASK (assento-quilômetro oferecido) caiu de 80 para 75 por cento.

A queda de um avião da Gol em setembro do ano passado deu início à crise do setor aéreo brasileiro. A situação foi agravada em julho, depois do acidente com um Airbus da TAM em Congonhas.

Em setembro do ano passado as ações da Gol eram negociadas em torno de 80 reais. Na quinta-feira, os papéis fecharam a 42,33 reais.

No mês passado, o controlador da Gol, o Fundo de Investimento Asas, informou ao mercado que estava estudando algumas alternativas para sua participação, incluindo uma recompra de ações ou oferta pública para fechar o capital da empresa.

QUARTO TRIMESTRE

A companhia aérea também disse nesta sexta-feira que espera que o aumento da capacidade permita um crescimento de aproximadamente 28 por cento nos ASKs no quarto trimestre na comparação com o mesmo período de 2006.

A projeção para a taxa de ocupação no período é de 65 a 67 por cento e um retorno por passageiro de aproximadamente 0,25 a 0,27 real.

A empresa publica os resultados do terceiro trimestre no dia 25 de outubro.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below