10 de Abril de 2008 / às 21:24 / em 10 anos

Setor de tecnologia e varejista impulsiona bolsas dos EUA

Por Kevin Plumberg

NOVA YORK (Reuters) - As bolsas de valores norte-americanas fecharam em alta nesta quinta-feira depois que uma corretora elevou a avaliação das produtoras de chips impulsionando as ações do setor de tecnologia e com otimismo de que as fracas vendas de março pode ter sido o pior momento para as varejistas neste ano.

O índice Dow Jones teve alta de 0,44 por cento, a 12.581 pontos. O Standard & Poor’s 500 subiu 0,45 por cento, a 1.360 pontos. O Nasdaq avançou 1,27 por cento, a 2.351 pontos.

As ações da Intel subiram 3 por cento e ajudou a impulsionar os três principais índices acionários norte-americanos depois que o Banc of America Securities aumentou a avaliação do setor de semicondutores.

As ações do Wal-Mart subiram 1 por cento depois que a maior varejista do mundo elevou sua perspectiva de lucro, citando controle com despesas e menos cortes de preços. As ações subiram apesar do Wal-Mart divulgar vendas em março abaixo da expectativa do mercado.

Muitos investidores estão mais certos de que a economia estará em recessão durante os primeiros seis meses de 2008, mas isto acabou ajudando os mercados acionários a se recuperarem. “É bom pois nós saímos de um território de total desconhecimento para um que nós achamos que sabemos onde estamos indo”, disse Jan Loeys, chefe global de alocações de ativos do JPMorgan.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below