14 de Julho de 2008 / às 11:53 / em 9 anos

BOLSA EUROPA-Fusão e socorro a Freddie/Fannie nos EUA puxam alta

Por Patrizia Kokot

LONDRES, 14 de julho (Reuters) - As principais bolsas européias operavam em alta nesta segunda-feira, impulsionadas por bancos que avançavam por conta de plano dos Estados Unidos de socorro dos grupos hipotecários Fannie Mae FNM.N e Freddie Mac FRE.N. Os negócios também eram influenciados por atividade de fusão e aquisição nos setores de cervejas e financeiro.

Às 8h45 (horário de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3, que acompanha as principais empresas européias, avançava 1,45 por cento, para 1.142 pontos. Na sexta-feira, o índice recuou 2,6 por cento, em seu pior fechamento em mais de três anos por temores sobre a Freddie Mac e Fannie Mae.

O índice de bancos europeus .SX7P subia fortes 3,07 por cento.

A Fannie Mae (FNM.F) e a Freddie Mac (FRE.F) saltavam 24,5 e 34 por cento, respectivamente, em Frankfurt, depois que um plano do Tesouro dos Estadados Unidos e do Federal Reserve criou amplas medidas para empréstimos de dinheiro e compra de ações das instituições se as empresas precisarem.

“Os Estados Unidos estão fazendo tudo que podem para apoiar o sistema financeiro... São boas notícias num cenário persistentemente obscuro”, afirmou Peter Dixon, economista no Commerzbank, em Londres.

O setor bancário também recebia impulso depois que o espanhol Santander (SAN.MC) informou que fechou acordo para comprar o britânico Alliance & Leicester ALLL.L, cujas ações disparavam 46 por cento. Enquanto isso, o Santander subia 0,7 por cento.

O Barclays (BARC.L) tinha alta de 6 por cento, Lloyds TSB (LLOY.L), saltava 7 por cento e o UBS UBSN.VX tinha valorização de 2,8 por cento.

“O mercado viu com bons olhos isso e o que estamos vendo agora é que o dinheiro que estava fora do mercado há muito tempo está de volta”, disse Stephen Pope, estrategista da Cantor Fitzgerald Europe.

As atividades de aquisições impulsionavam também as ações da fabricante de autopeças Continental (CONG.DE), a empresa holandesa de logística TNT TNT.AS e a cervejaria InBev INTB.BR, que fechou acordo para a compra da norte-americana Anheuser-Busch BUD.N.

As ações da TNT NV disparavam cerca de 25 por cento depois que o Financial Times afirmou no fim de semana que a FedEx Corp (FDX.N) está em negociações para comprar a empresa. A TNT preferiu não comentar o assunto.

A InBev INTB.BR tinha alta de 3,5 por cento depois que a norte-americana Anheuser-Busch BUD.N aceitou sua oferta de 52 bilhões de dólares, criando a maior cervejaria do mundo.

Confira o desempenho das principais bolsas européias às 8h45:

BOLSA PONTUAÇÃO VARIAÇÃO %

Londres .FTSE 5.358 +1,83

Frankfurt .GDAX 6.225 +1,17

Paris .FCHI 4.171 +1,73

Madri .IBEX 11.551 +1,47

Milão .MIBTEL 21.474 +0,58

Lisboa .PSI20 8.436 -0,22

Veja como se comportaram as bolsas asiáticas [nN14404228]

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below