21 de Julho de 2008 / às 10:41 / em 9 anos

PANORAMA1-Mercado chega dividido à semana de decisão do Copom

SÃO PAULO, 21 de julho (Reuters) - O mercado brasileiro chega à semana de decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) ainda dividido. Não há dúvidas entre analistas e investidores de que haverá um novo aumento da Selic, mas de quanto?

Pesquisa da Reuters publicada na última quinta-feira mostrou que 24 economistas prevêem elevação da taxa básica em 0,50 ponto percentual, para 12,75 por cento ao ano. Eles argumentam que a política monetária já está voltada para 2009, quando o cenário inflacionário é mais benigno.

Outros 13 estimam um aperto mais forte, de 0,75 ponto percentual, para estancar o processo de deterioração das expectativas de inflação.

Com isso, o relatório Focus desta segunda-feira ganha ainda mais importância.

Há uma semana, a mediana dos prognósticos para o IPCA deste ano subiu de 6,4 para 6,48 por cento e de 2009 avançou de 4,91 para 5,0 por cento. Mas as instituições “Top 5”, com maior número de acerto, reduziram a projeção deste ano de 6,6 para 6,53 por cento e mantiveram a do ano que vem em 5,0 por cento.

O indicador mais importante de inflação previsto na semana --o IPCA-15 de julho-- não chega a tempo de temperar as apostas para a Selic. O dado será divulgado na quinta-feira.

Para a agenda do dia, clique [nN21326616]

Veja como encerraram os principais mercados na sexta-feira:

CÂMBIO BRBY

O dólar terminou a 1,589 real, em queda de 0,69 por cento. O volume no segmento interbancário foi de 3,59 bilhões de dólares.

BOLSA .BVSP

O Ibovespa caiu 0,2 por cento, a 59.988 pontos. O volume financeiro na bolsa foi de 5,19 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS .BR20

O índice de principais ADRs brasileiros fechou em alta de 0,21 por cento, aos 36.961 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

Os contratos de depósito interfinanceiro (DI) fecharam sem rumo comum na BM&F. O DI janeiro de 2009 subiu a 13,46 por cento, enquanto o DI janeiro de 2010 caiu a 14,93 por cento.

GLOBAL 40 BRAGLB40=RR

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, recuava para 131,25 por cento do valor de face no final da tarde, oferecendo rendimento de 5,59 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS 11EMJ

No final da tarde, o risco Brasil cedia 5 pontos, a 223 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 281 pontos-básicos.

BOLSAS DOS EUA

O índice Dow Jones .DJI subiu 0,44 por cento, a 11.496 pontos. O Nasdaq .IXIC perdeu 1,28 por cento, para 2.282 pontos. O índice S&P 500 .SPX teve oscilação positiva de 0,03 por cento, aos 1.260 pontos.

TREASURIES DE 10 ANOS US10YT=RR

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, recuava e o rendimento subia para 4,09 por cento no final da tarde ante 3,99 por cento na quinta-feira.

(PANORAMA1 e PANORAMA2 são localizados no terminal de notícias da Reuters pelo código PAN/SA)

Por Daniela Machado; Edição de Renato Andrade

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below