23 de Maio de 2008 / às 20:42 / em 9 anos

PANORAMA2-Queda em NY e realização de lucros pesam sobre mercado

Por Daniela Machado

SÃO PAULO, 23 de maio (Reuters) - O mau humor externo pesou sobre os negócios no Brasil nesta sexta-feira espremida entre o feriado de Corpus Christi e o final de semana, e os volumes encolheram.

No mercado de câmbio, o dólar chegou a cair frente ao real na primeira etapa da sessão, mas acabou fechando em leve alta. O diz-que-diz sobre o fundo soberano do Brasil deixou investidores mais confusos, segundo operadores.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, sustentou que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva ordenou a criação do fundo e desmentiu reportagem de que seu lançamento seria suspenso. “O projeto de lei está praticamente pronto e só faltam aspectos jurídicos”, disse a jornalistas.

Na Bovespa, o dia foi de perdas para ações de forte peso, como Petrobras (PETR4.SA), Vale (VALE5.SA) e Embraer (EMBR3.SA). Algumas delas enfrentaram um movimento de realização de lucros, segundo operadores.

Por outro lado, os papéis da Nossa Caixa BNCA3.SA dispararam mais de 30 por cento no primeiro pregão após o Banco do Brasil (BBAS3.SA) anunciar que iniciou conversas para uma possível aquisição da instituição paulista.

Os maiores bancos privados do país se apressaram a defender um leilão para o negócio.

O petróleo, uma das principais fontes de preocupação mundial recentemente, retomou a trajetória de alta.

Veja como encerraram os principais mercados nesta sexta-feira:

CÂMBIO BRBY

O dólar terminou a 1,661 real, em alta de 0,12 por cento. O volume negociado no segmento interbancário foi de 2,15 bilhões de dólares.

BOLSA .BVSP

O Ibovespa caiu 1,17 por cento, a 71.451 pontos. O volume financeiro na bolsa foi de 5,8 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS .BR20

O índice de principais ADRs brasileiros fechou em baixa de 0,40 por cento, aos 42.517 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

A maioria dos contratos de depósito interfinanceiro (DI) fechou em alta na BM&F. O DI janeiro de 2010 subiu para 14,39 por cento ao ano.

GLOBAL 40 BRAGLB40=RR

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, operava estável no final da tarde, a 136 por cento do valor de face, oferecendo rendimento de 4,99 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS 11EMJ

No final da tarde, o risco Brasil avançava 10 pontos, para 212 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 261 pontos-básicos.

BOLSAS DOS EUA

O índice Dow Jones .DJI caiu 1,16 por cento, a 12.479 pontos. O Nasdaq .IXIC perdeu 0,81 por cento, a 2.444 pontos. O índice S&P 500 .SPX recuou 1,32 por cento, aos 1.375 pontos.

(PANORAMA1 e PANORAMA2 são localizados no terminal de notícias da Reuters pelo código PAN/SA)

Reportagem adicional de Aluísio Alves, Fabio Gehrke e Vanessa Stelzer; Edição de Aluísio Alves

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below