28 de Julho de 2008 / às 12:15 / 9 anos atrás

BOLSA EUROPA-Temor sobre crédito derruba mercados, aéreas pesam

Por Blaise Robinson

PARIS, 28 de julho (Reuters) - O principal índice europeu de ações operava em queda nesta segunda-feira, com as companhias aéreas recuando após queda no lucro da Ryanair (RYA.I), enquanto os bancos perdiam por temores de que grandes instituições de hipotecas nos Estados Unidos possam perder seu rating máximo de crédito.

Às 9h07 (horário de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3, que acompanha as principais empresas da Europa, apresentava desvalorização de 0,58 por cento, para 1.162 pontos, caminhando para a terceira sessão consecutiva de queda.

A TNT TNT.AS afundava 8,8 por cento depois que a empresa holandesa de correios apresentou uma queda inesperada no lucro operacional e afirmou ter expectativa de que a economia se mantenha pressionada no restante do ano.

Os bancos figuravam entre as maiores perdas, atingidos pelos temores do setor, depois que a agência de classificação de risco Standard & Poor’s alertou na sexta-feira que pode reduzir ratings das ações preferenciais e de bônus subordinados da Fannie Mae FNM.N e Freddie Mac FRE.N. A agência citou preocupações sobre os planos do governo dos Estados Unidos para dar força às duas empresas.

“Provavelmente ainda não acabamos com as reduções de previsões. Os alertas de lucros apenas acabou de começar”, afirmou Emmanuel Morano, chefe de administração de ações na La Francaise des Placements, em Paris.

“De um lado, a crise no setor financeiro, que agora fez um ano, ainda não acabou. Mais levantamentos de capital serão necessários, a queda começou agora. Assim, não há muito motivo para as ações subirem.”

O Société Générale (SOGN.PA) cedia 1,9 por cento, o UBS UBSN.VX perdia 2,5 por cento e o UniCredit (CRDI.MI) tinha queda de 2,76 por cento.

A financeira britânica HBOS HBOS.L despencava 6 por cento, acompanhando notícias do fim de semana que afirmaram que o banco deve apresentar mais baixas contábeis quando publicar seu balanço na quinta-feira.

Contudo, as perdas dos mercados eram limitadas pelo setor de mineração, que era ajudado pelos ganhos nos preços dos metais, enquanto ações ligadas à energia subiam antes de resultados do setor esperados para esta semana. Além disso, o petróleo vem se recuperando ante forte queda recente.

As companhias aéreas, que desfrutaram das recentes quedas no petróleo, sofriam depois que a Ryanair apresentou uma queda de 85 por cento no lucro trimestral e indicou que não deve gerar lucro esse ano por conta da fraqueza da economia e dos preços altos dos combustíveis.

Confira o desempenho das principais bolsas européias às 9h07:

BOLSA PONTUAÇÃO VARIAÇÃO %

Londres .FTSE 5.346 -0,12

Frankfurt .GDAX 6.368 -1,06

Paris .FCHI 4.335 -0,95

Madri .IBEX 11.579 -0,09

Milão .MIBTEL 21.832 -0,64

Lisboa .PSI20 8.556 -0,66

Veja como se comportaram as bolsas asiáticas [nN28455869]

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below