29 de Fevereiro de 2008 / às 15:57 / em 10 anos

ANÁLISE-VALE ficou dentro do esperado e mercado espera Xstrata

Por Denise Luna

RIO DE JANEIRO, 29 de fevereiro (Reuters) - O resultado do quarto trimestre de 2007 da Vale (VALE5.SA), divulgado na noite de quinta-feira, veio dentro do esperado, apesar de inferior ao terceiro trimestre, mas analistas indicam que o aumento do preço do minério para este ano e a perspectiva de uma produção maior garantem à mineradora lugar de destaque em qualquer portfólio de ações.

Apesar de custos mais altos e problemas operacionais no período terem ofuscado em parte o brilho dos números recordes anuais, a avaliação dos analistas é de que a companhia está no rumo certo e irá ultrapassar os obstáculos do último trimestre do ano.

“Operacionalmente o quarto trimestre veio abaixo das expectativas...mas é uma excelente empresa, com crescimento espetacular em função do aumento de preço do minério para este ano...2008 vai ser outro recorde, sem dúvida”, afirmou a analista do Banif Catarina Pedrosa.

A Vale informou na quinta-feira que teve lucro líquido de 4,4 bilhões de reais no último trimestre de 2007, alta de 29,4 por cento em relação ao ganho há um ano, mas queda de 4 por cento em relação ao terceiro trimestre.

No ano, a empresa teve lucro recorde de 20 bilhões de reais, crescimento quase 50 por cento maior do que em 2006.

A Vale citou custos maiores e problemas operacionais como motivo para o resultado do quarto trimestre.

“Isso indica que o controle de custos se torna cada vez mais imperativo. Devemos lembrar que as estimativas para os preços dos principais metais não ferrosos é de estabilidade em relação aos preços praticados no final de 2007”, disse em relatório o analista da Brascan Corretora Rodrigo Ferraz.

Os destaques do aumento de custos foram gastos maiores com energia, insumo que representa 16 por cento dos custos da mineradora, e problemas com embarques de minério, seja por obras no Porto de Itaguaí, normalizado nesta sexta-feira, ou chuvas sazonais no Norte do país.

“Os números vieram dentro das expectativas, mas o quarto trimestre veio aquém do que a empresa vinha apresentando, só que a Vale tem que ser vista de maneira geral, acho que a gente tem que dar maior peso à grandeza dos números publicados e não a um trimestre pontual”, afirmou uma analista de um grande banco que não quis ser identificada.

Ela também avaliou que a queda dos papéis da Vale nesta sexta-feira acompanham o mau humor do mercado e não refletem insatisfação com o balanço.

“Os números são bons e mostram que a Vale está numa tendência de alta, mas o mercado está muito ruim...a Vale bate recorde em tudo e solta o balanço em um momento ruim”, explicou a analista.

Por volta das 12h40, os papéis preferenciais da Vale caíam 4 por cento, enquanto o Ibovespa cedia 2,8 por cento.

DE OLHO NA XSTRTA

Para Pedro Galdi, do ABN AMRO, o “appeal” da Vale no momento é a possível compra da Xstrata e por este motivo o resultado terá efeito neutro nas ações da companhia.

“O resultado foi bom, dentro do esperado, mas o mercado está atento sobre o negócio com a Xstrata e o balanço será neutro sobre as ações. O radar vai ser por conta disso (Xstrata) e pelos preços das commodities, que continuam elevados”, disse Galdi.

Ele observou que a Xstrata é muito importante para a Vale, “mas se o acionista (Glencore) quiser manter participação na empresa vai ferir todo o conceito da Vale de compra de ativos, ela nunca é sócia”, afirmou.

A Vale anunciou em janeiro que estava negociando a compra da mineradora anglo-suíça Xstrata. Na quinta-feira, uma fonte disse à Reuters que as conversas com a Glencore, que possui 35 por cento da empresa, tinham entrado em impasse devido à disposição da Glencore de manter a comercialização de alguns produtos da nova companhia que seria formada.

Edição de Marcelo Teixeira

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below