August 2, 2018 / 8:28 PM / 2 months ago

TV é principal meio de comunicação usado por eleitor para se informar sobre candidatos, diz CNI/Ibope

SÃO PAULO (Reuters) - A televisão é o principal meio de comunicação usado pelos eleitores para se informarem sobre os candidatos nas eleições de outubro deste ano, de acordo com pesquisa CNI/Ibope divulgada nesta quinta-feira.

Cabine de votação em escola de Brasília 25/10/2014 REUTERS/Ueslei Marcelino

O levantamento mostrou que 62 por cento dos entrevistados usam este meio e, neste grupo, 25 por cento se informam apenas pela TV. A pesquisa foi realizada em junho e a Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulgou os dados relativos à intenção de votos para presidente no dia 28 daquele mês. [nL1N1TU1NM]

A sondagem mostrou que 48 por cento dos entrevistados usam a internet —sites de jornais, canais de notícias, portais, blogs e redes sociais— para se informar sobre os candidatos. Neste grupo, apenas 5 por cento se informam apenas por blogs e redes sociais.

O levantamento apontou ainda um alto percentual de eleitores que não sabem em quem votar para presidente da República ou que irão anular o voto. A sondagem afirmou também que, entre os que escolhem um candidato, somente 27 por cento têm convicção na escolha e afirmam que não mudarão de ideia até a eleição, cujo primeiro turno está marcado para o dia 7 de outubro.

“O eleitor não encontrou aquele candidato que ele sonha. A decisão vai acontecer muito mais próxima da eleição que nas eleições anteriores”, disse o gerente-executivo de Pesquisa e Competitividade da CNI, Renato da Fonseca.

“A gente percebe que a maioria dos eleitores não conhece os candidatos e suas propostas. Até entre os que já escolheram candidatos, ainda há alguma indecisão”, acrescentou.

O candidato à Presidência do PSL, Jair Bolsonaro, é o que tem o maior percentual de eleitores convictos —34 por cento afirmam que a decisão de votar nele é definitiva. Ciro Gomes (PDT) vem na sequência, com 26 por cento convictos, à frente de Geraldo Alckmin (PSDB), com 23 por cento, e Marina Silva (Rede), 22 por cento.

TRANSFERÊNCIA DE LULA

De acordo com a pesquisa, Marina Silva seria a principal herdeira de votos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), caso ele tenha a candidatura ao Palácio do Planalto impugnada pela Justiça Eleitoral, com 16 por cento dos que votariam no petista optando pela pré-candidata da Rede.

Depois de Marina, Ciro aparece como principal beneficiário da transferência de votos do petista, com 11 por cento, seguido por Bolsonaro, com 7 por cento, e Alckmin, com 5 por cento. Apontado como possível Plano B do PT, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad soma 3 por cento.

“Tal resultado deve-se, provavelmente ao baixo conhecimento por parte dos eleitores e do partido afirmar que o candidato será Lula. Certamente, caso Fernando Haddad seja escolhido como candidato do PT, a transferência desses eleitores para ele será maior”, afirma o relatório da pesquisa.

Lula está preso desde abril em Curitiba, cumprindo pena por corrupção e lavagem de dinheiro no caso sobre o tríplex no Guarujá (SP). Ele foi condenado pela 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), um órgão colegiado da Justiça, e deve ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa, que barra a candidatura de condenados por decisões colegiadas.

O Ibope ouviu 2 mil pessoas entre os dias 21 e 24 de junho. Quando divulgou o trecho da pesquisa com a intenção de voto, no final de junho, a CNI informou que, no cenário sem Lula, Bolsonaro liderava com 17 por cento, seguido por Marina com 13 por cento, Ciro com 8 por cento e Alckmin com 6 por cento.

A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Por Eduardo Simões; Edição de Alexandre Caverni

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below