June 10, 2020 / 9:57 PM / in 2 months

Preços do petróleo sobem mesmo após alta nos estoques dos EUA

15/09/2015. REUTERS/Nick Oxford

NOVA YORK (Reuters) - O petróleo se recuperou de perdas do início da sessão e fechou em alta nesta quarta-feira, mesmo após dados dos Estados Unidos indicarem que os estoques da commodity no país atingiram uma máxima recorde, o que reacendeu temores de um persistente excesso de oferta devido à fraca demanda.

Os estoques de petróleo nos EUA tiveram alta de 5,7 milhões de barris na semana até 5 de junho, totalizando 538,1 milhões de barris, de acordo com relatório da Administração de Informação sobre Energia (AIE).

Por outro lado, a demanda por produtos derivados de petróleo melhorou, embora continue muito abaixo dos níveis verificados em igual período do ano passado. Os estoques de produtos destilados —incluindo diesel e óleo de aquecimento— tiveram alta, mas em nível inferior ao visto nas últimas semanas, segundo a AIE.

“O suporte ao mercado está vindo dos produtos (derivados), e não do petróleo”, disse Andrew Liopw, presidente da Lipow Oil Associates em Houston.

O petróleo Brent fechou em alta de 0,55 dólar, a 41,73 dólares por barril. Já o petróleo dos EUA avançou 0,66 dólar, para 39,60 dólares o barril, depois de recuar mais de 2% durante a sessão.

O Departamento de Energia dos EUA anunciou nesta quarta-feira a compra de 126 mil barris de petróleo para as reservas estratégicas do país, o que também deu apoio às cotações.

Reportagem de Laura Sanicola, com reportagem adicional de Alex Lawler e Aaron Sheldrick

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below