for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Microsoft e SpaceX se unem para oferta de computação em nuvem via satélite

REUTERS/Joe Skipper

BANGALORE/WASHINGTON (Reuters) - A Microsoft está fazendo parceria com SpaceX, comandada pelo bilionário Elon Musk, e outros grupos para expandir sua plataforma de computação em nuvem para o espaço, disse a gigante do software nesta terça-feira.

A parceria permitirá à Microsoft conectar sua plataforma de computação em nuvem Azure à rede da SpaceX de satélites em órbita, oferecendo à empresa de software uma vantagem na batalha contra a rival Amazon.com.

A Microsoft testou nos últimos meses a plataforma Azure com satélites no espaço e, em setembro, revelou o produto Azure Space. Os serviços incluem “previsão e rastreamento de desastres, maior visibilidade de cadeias de suprimentos e da atividade econômica e muitos outros”, disse a empresa.

“Onde fizer sentido, trabalharemos com você, vendendo conjuntamente para nossos clientes mútuos, vendendo conjuntamente para novas empresas e clientes futuros e, basicamente, trazendo o poder da conectividade Starlink para a infraestrutura do Azure”, disse Gwynne Shotwell, presidente da SpaceX, a Tom Keane, vice-presidente corporativo da Azure Global.

A SpaceX está aumentando a produção de satélites para Starlink, uma constelação crescente de centenas de satélites de transmissão de internet que Musk espera gerar receita suficiente para ajudar a financiar os objetivos de exploração espacial da companhia.

(Reportagem de Akanksha Rana em Bengaluru e Joey Roulette em Washington)

((Tradução Redação São Paulo; +55 11 56447764))

REUTERS PAL AAJ

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up