March 28, 2019 / 3:23 PM / 6 months ago

Incêndio em prédio de Bangladesh mata 19 pessoas e deixa mais de 70 feridos

DACA (Reuters) - Um incêndio irrompeu em um edifício comercial de 22 andares de Daca, capital de Bangladesh, nesta quinta-feira, matando ao menos 19 pessoas, incluindo um cidadão do Sri Lanka, ferindo ao menos 73 e deixando muitas presas do lado de dentro, disseram autoridades.

Bombeiros tentam apagar incêndio em edifício comercial em Daca, Bangladesh 28/03/2019 REUTERS/Mohammad Ponir Hossain

Operações de busca ainda se estendiam no fim do dia, à medida que algumas das pessoas presas acenavam freneticamente das janelas e do telhado do prédio no bairro de classe alta de Banani, enquanto outras tentaram se salvar saltando.

Bombeiros dependurados em guindastes quebravam janelas para tentar chegar às pessoas do lado de dentro, disseram testemunhas.

Autoridades carregaram corpos carbonizados sob olhares de centenas de pessoas reunidas na rua.

Um homem que tentou escapar descendo por uma corda caiu, segundo uma testemunha da Reuters.

À noite ainda havia alguns focos de incêndio no prédio, embora a maior parte estivesse controlada, disseram autoridades.

Mais de 100 pessoas foram resgatadas do prédio usando helicópteros e escadas, disse o chefe do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil, Julfikar Rahman, à Reuters, no local.

A causa do incêndio não estava imediatamente clara.

“Nossos bombeiros estão buscando por corpos em todos os andares”, disse Rahman.

Uma menina soluçava do lado de fora, dizendo que seu pai trabalha em um escritório no prédio e que não estava atendendo ao telefone.

“Não sei onde ele está”, disse.

O incêndio ocorre um mês depois de outro de grande porte matar 71 pessoas em um bairro antigo da cidade. À época, críticos o atribuíram ao fraco cumprimento dos regulamentos de segurança em uma das metrópoles mais densamente povoadas do mundo.

Helicópteros auxiliavam as 22 unidades de bombeiros trabalhando com o Exército, a Marinha, a Aeronáutica e a polícia para combater as chamas.

Vários dos cerca de 140 funcionários da empresa privada Quasem Group, que tem vários escritórios no prédio, fugiram pelo telhado de um edifício adjacente, contou Shamim Reza Khan, gerente-geral assistente da empresa.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below