for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Argentina eleva restituição de impostos para exportação de veículos dentro do Mercosul

BUENOS AIRES (Reuters) - A Argentina aumentou o percentual de restituições de impostos que concede às montadoras de veículos que exportam sua produção para destinos dentro do Mercosul, para equilibrar a carga tributária do setor para todo o mercado de exportação, afirmou o Ministério do Trabalho e Produção.

“A taxa de restituição aplicável à atividade exportadora da indústria automotiva foi unificada tanto para os destinos do Mercosul quanto para o restante dos mercados internacionais, disse o ministério.

O novo esquema de reembolso, que eleva o percentual de restituição de 2 para 6,5 por cento, entrará em vigor a partir de quinta-feira.

Segundo o ministério, 60 por cento da produção de veículos da Argentina é destinada à exportação e desta fatia, 70 por cento é enviada a países do Mercosul. O Brasil é o principal mercado automotivo do país.

“Esperamos que a unificação da restituição nos permita recuperar o dinamismo no nível das exportações e impulsionar um aumento na produção para o ano de 2019”, afirmou o Ministro da Produção e Trabalho, Dante Sica.

A produção de automóveis da Argentina caiu 33,9 por cento em abril sobre um ano antes, disse a Associação de Fábricas Automotivas (Adefa), acrescentando que o setor exportou 2,6 por cento a menos em relação ao mês anterior e 3,2 por cento a mais que abril de 2018.

Por Walter Bianchi

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up