September 3, 2014 / 4:33 PM / 4 years ago

Dilma: economia estaria pior se não tivéssemos tomado medidas

(Reuters) - A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quarta-feira que gostaria que o país estivesse crescendo em um ritmo mais acelerado, mas disse que seria pior se não tivessem sido tomadas medidas para proteger o investimento em meio à crise internacional.

“São medidas tanto que protegeram as nossas condições de ter um futuro que garanta uma expansão e uma qualificação da nossa indústria”, disse Dilma em discurso após visita à Olimpíada do Conhecimento, em Belo Horizonte, evento organizado pelo Senai (Serviço Nacional da Aprendizagem Industrial).

A presidente elencou medidas adotadas pelo governo que ajudaram a reduzir os impactos da crise, como a política de compras públicas, baseada no conteúdo local, a política de crédito subsidiado à industria, como é o caso do PSI (Programa de Sustentação do Investimento), entre outras.

“É possível que alguns de vocês, na atual conjuntura, quando a incerteza e o cenário internacional se misturam com o debate eleitoral, questionem a eficácia dessa nossa política”, disse Dilma.

Dados divulgados pelo IBGE na última sexta-feira mostraram que o Brasil entrou em recessão técnica.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below