February 7, 2017 / 5:03 PM / a year ago

Temer deve esperar sabatina de Moraes para escolher novo ministro da Justiça

Por Lisandra Paraguassu

Presidente Michel Temer ao lado do ministro licenciado da Justiça, Alexandre de Moraes, em Brasília 31/05/2016 REUTERS/Ueslei Marcelino

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Michel Temer só deverá indicar o novo ministro da Justiça e Segurança Pública depois da aprovação pelo Senado do nome de Alexandre de Moraes para o Supremo Tribunal Federal (STF), informaram à Reuters fontes palacianas, e o próprio presidente, questionado quando o novo ministro será indicado, disse que levará “muitos dias”.

Há uma disputa entre PMDB e PSDB pela vaga. O PMDB, partido do presidente, cobra a indicação do novo ministro, alegando que perdeu espaço para os tucanos com a troca de Geddel Vieira Lima (PMDB) por Antonio Imbassahy (PSDB). Já os tucanos também querem indicar o novo ministro, justificando que a Justiça já era da cota do partido. O próprio Planalto está dividido. Parte dos auxiliares de Temer defende que o ministério fique com o PSDB para garantir o apoio tucano. Há ainda quem aconselhe Temer a indicar alguém sem vinculação partidária.

“O presidente vai ter que arbitrar essa disputa antes de tomar uma decisão. Ele não tem pressa”, disse uma fonte palaciana.

Após almoço com o presidente da Argentina, Mauricio Macri, Temer disse a jornalistas que a escolha do sucessor de Moraes será “pessoal”.

“Indicação do ministro da justiça vai ser pessoal é uma escolha muito importante”, disse o presidente aos repórteres após o encontro com o líder argentino.

A sabatina de Alexandre de Moraes, indicado na segunda-feira para o STF, está marcada, em princípio, para o dia 22 deste mês na Comissão de Constituição e Justiça do Senado. Se aprovado, precisa ainda passar pela aprovação do plenário da Casa, o que costuma acontecer no dia seguinte ou até no mesmo dia.

O governo não prevê dificuldades para aprovar o nome de Moraes, mas a CCJ ainda precisa ser montada. O PMDB tem direito a indicar seu presidente, mas três senadores disputam a vaga e ainda não há um consenso.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below