March 15, 2017 / 6:36 PM / 2 years ago

Lista de Janot não interfere nos trabalhos do Senado, diz Eunício

BRASÍLIA (Reuters) - O Senado continuará seus trabalhos, afirmou nesta quarta-feira o presidente da Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE), a despeito da apresentação na véspera, pela Procuradoria-Geral da República, de dezenas de pedidos de abertura de inquérito ao STF contra políticos decorrentes de delações premiadas da Odebrecht.

O senador Eunício Oliveira durante a sessão na qual foi eleito presidente do Senado em Brasília, no Brasil 01/02/2017 REUTERS /Adriano Machado

Segundo ele, os parlamentares saberão “separar” uma coisa da outra e manterão seu compromisso com a recuperação do país.

“Nós temos um compromisso com o Brasil, nós temos um compromisso com as reformas, compromisso em gerar emprego e renda”, disse Eunício a jornalistas ao chegar ao Senado.

“A Justiça vai cuidar da Justiça e a Casa vai cuidar daquilo que nós precisamos fazer que são as reformas, revogar leis arcaicas, aprovar leis novas que forem necessárias.”

O presidente do Senado, um dos alvos dos pedidos da procuradoria segundo reportagens, disse confiar na Justiça e afirmou que figurar na lista vazada não é uma “sentença”.

Reportagem de Maria Carolina Marcello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below