December 21, 2017 / 3:22 PM / 9 months ago

Não houve conversa sobre mudança de rating do Brasil com agências, diz Meirelles

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou nesta quinta-feira que não conversou sobre mudanças de rating do Brasil nas reuniões que teve com agências de classificação de risco Standard & Poor’s, Fitch e Moody’s.

Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, fala durante fórum em São Paulo 27/11/2017 REUTERS/Leonardo Benassatto

Segundo ele, também não houve informação de qualquer antecipação de movimento sobre o rating. O ministro disse, ainda, que aproveitou os encontros para explicar as razões e a dinâmica de a votação da Previdência ter sido adiada para fevereiro.

Na terça-feira passada, o ministro já havia admitido a chance de rebaixamento no rating do país antes da votação da reforma, marcada para 19 de fevereiro. Mas voltou a dizer que o adiamento dava mais tempo para convencimento dos parlamentares e que segue acreditando na aprovação do texto.

Segundo Meirelles, também foi discutido com as agências outras medidas de ajuste fiscal de curto prazo. Em entrevista a jornalistas, ele afirmou que “sempre” se pode aumentar impostos que não estão sujeitos a anualidades, mas que não havia decisão ainda.

Reportagem de Maria Carolina Marcello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below