March 28, 2018 / 10:39 PM / 7 months ago

Temer segue ouvindo partidos e reforma ministerial ainda não está definida, diz Marun

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, disse nesta quarta-feira que o presidente Michel Temer continua conversando com os partidos sobre a reforma ministerial e ainda não há definições sobre o tema.

Ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, durante entrevista coletiva em Brasília 13/03/2018 REUTERS/Ueslei Marcelino

Em entrevista coletiva no Palácio do Planalto, Marun disse que o presidente deve voltar a tratar da reforma no domingo à noite, mas afirmou que seguirá no governo e indicou algumas prováveis mudanças.

Segundo Marun, é uma possibilidade concreta o atual presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, assumir o Ministério da Saúde, no lugar de Ricardo Barros, que já anunciou sua saída para disputar as eleições em outubro. Marun ressaltou que embora Occhi tenha sido uma indicação do PP, sua substituição na Caixa não dependeria necessariamente do partido.

Diante das notícias de que o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, poderia ser transferido para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o articulador político do governo fez elogios à atuação do ministro e garantiu que ele só deixará a pasta se desejar.

Marun disse ainda que a expectativa no governo é que o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, que irá se filiar ao MDB na próxima terça-feira, decida deixar o cargo para poder disputar as eleições.

Reportagem de Lisandra Paraguassu

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below