April 7, 2018 / 4:43 PM / 7 months ago

Quanto mais me atacam, mais cresce a minha relação com o povo brasileiro, diz Lula

Lula, antes de discursar em São Bernardo 7/4/2018 REUTERS/Leonardo Benassatto

SÃO BERNARDO DO CAMPO (Reuters) - O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, voltou neste sábado a criticar o processo que resultou na sua condenação por corrupção passiva, e disse que quanto mais o atacam, mais ele cresce.

Em discurso em evento neste sábado em homenagem à esposa falecida, Marisa Letícia, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, para uma multidão de simpatizantes, sindicalistas, políticos, autoridades e artistas, Lula disse que o único crime que cometeu foi ter lutado pelos direitos dos mais pobres.

“Quanto mais me atacam, mais cresce a minha relação com o povo brasileiro” disse Lula.

“Há muito tempo sonhei que era possível governar este país envolvendo milhões de pessoas pobres”, disse Lula em seu primeiro pronunciamento depois de ter sua prisão decretada pelo juiz Sérgio Moro. A expectativa é que Lula se entregue à Polícia Federal ainda nesta tarde, em São Paulo.

Lula foi condenado por ter recebido o tríplex da empreiteira OAS como pagamento de propina em troca de contratos na Petrobras. Ele nega ser dono do imóvel, assim como quaisquer irregularidades.

O petista, que é réu em outros seis processos, afirma ser alvo de uma perseguição política promovida por setores do Ministério Público, do Judiciário e da Polícia Federal com o objetivo de impedi-lo de ser candidato.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below