August 10, 2018 / 9:34 PM / a month ago

Moro diz não poder comentar convite para ser ministro da Justiça de Alvaro Dias

BRASÍLIA (Reuters) - O juiz federal Sérgio Moro, um dos responsáveis pela operação Lava Jato na primeira instância, divulgou nota nesta sexta-feira para afirmar que não comenta o convite feito pelo candidato do Podemos à Presidência, o senador Alvaro Dias, para que o magistrado assuma o Ministério da Justiça caso ele venha a ser eleito.

Juiz Sérgio Moro durante participação de evento em São Paulo 24/10/2017 REUTERS/Paulo Whitaker

Esse convite feito por Dias foi bastante explorado pelo candidato a presidente no primeiro debate televisivo da campanha, promovido pela TV Band.

“Informo aos jornalistas e publicamente que reputo inviável no momento manifestar-me, de qualquer forma e em um sentido ou no outro, sobre essa questão, uma vez que a recusa ou a aceitação poderiam ser interpretadas como indicação de preferências políticas partidárias, o que é vedado para juízes”, disse Moro em nota.

Dias tem concentrado seu discurso na defesa da Lava Jato e, no debate da véspera, afirmou que, se eleito, institucionalizará a Lava Jato e a transformará em uma tropa de elite do combate à corrupção.

Por Ricardo Brito

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below