December 4, 2018 / 3:56 PM / 11 days ago

Moro indica delegado da PF Pontel como secretário-executivo e general para segurança pública

Futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro 23/11/2018 REUTERS/Ricardo Moraes

BRASÍLIA (Reuters) - O futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, anunciou nesta terça-feira o delegado da Polícia Federal Luiz Pontel, hoje secretário nacional de Justiça, como secretário-executivo do ministério e o general da reserva Guilherme Theophilo, será o secretário nacional de Segurança Pública.

Pontel foi diretor de gestão de pessoal na PF entre 2015 e 2017 e é um nome próximo ao ex-diretor do órgão Leandro Daiello. Foi o delegado do caso Banestado, em que o doleiro Alberto Yousseff —cuja delação deu origem à operação Lava Jato— foi preso pela primeira vez.

O general da reserva Guilherme Theophilo, 63 anos, foi candidato ao governo do Ceará pelo PSDB este ano mas, segundo Moro, já se desfiliou do partido, o que não configuraria indicação político-partidária.

De acordo com o ministro, a razão de indicar um militar para a Senasp foi o trabalho dos militares na intervenção federal na área de segurança pública no Estado do Rio de Janeiro, que o “impressionou”.

Reportagem de Lisandra Paraguassu

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below