May 9, 2020 / 1:05 AM / 20 days ago

Bolsonaro ironiza críticas à aglomeração e promete churrasco para 3 mil no Alvorada

27/04/2020 REUTERS/Ueslei Marcelino

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Jair Bolsonaro ironizou nesta sexta-feira —dia em que o Brasil bateu recorde em registro diário de mortes pelo novo coronavírus, com 751 óbitos— as críticas que havia recebido desde a véspera quando disse que iria organizar um churrasco no Palácio da Alvorada no sábado, contrariando mais uma vez recomendações de distanciamento social.

No fim da tarde desta sexta, Bolsonaro disse que pretende receber cerca de 3 mil pessoas na confraternização na residência oficial.

“Quem estiver aqui amanhã a gente bota para dentro. Três mil pessoas no churrasco amanhã”, disse ele, aos risos e sob aplausos de apoiadores.

Desde a noite de quinta, Bolsonaro vem falando sobre o assunto. Primeiro ele tinha anunciado que iria receber cerca de 30 convidados para o churrasco e que cobraria 70 reais de cada um deles. Depois, em tom de pilhéria, vinha aumentando o número dos convidados.

A fala do presidente ocorre num momento em que ele volta a defender medidas de flexibilização do isolamento social.

O Brasil registrou mais 751 mortes em decorrência do coronavírus nesta sexta, atingindo a marca total de 9.897, enquanto o número de casos da doença no país teve alta diária de 10.222, chegando a 145.328, informou o ministério.

Redação Brasília

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below