for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Nacional

"Vou sair em 1º de janeiro de 2027", diz Bolsonaro a apoiadores

Presidente Jair Bolsonaro em Brasília 08/05/2020 REUTERS/Ueslei Marcelino

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente Jair Bolsonaro disse a apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada no domingo que deixará a Presidência da República em 1º de janeiro de 2027, ao responder uma pessoa que o indagou sobre a possibilidade de eventual renúncia ou de um processo de impeachment.

“Vou sair em 1º de janeiro de 2027”, afirmou o presidente, referindo-se à data em que terminará o mandato do presidente a ser eleito nas eleições de 2022, quando Bolsonaro poderá disputar a reeleição.

O mandato atual de Bolsonaro, para o qual foi eleito em 2018, termina em 1º de janeiro de 2023.

Bolsonaro já disse por várias vezes, já no ano passado, meses após assumir a Presidência, que pretende tentar a reeleição em 2022.

Ele tem sido alvo de críticas pela maneira que está lidando com a pandemia de Covid-19, doença respiratória provocada pelo novo coronavírus, e há uma série de pedidos de impeachment contra ele na Câmara dos Deputados. Cabe ao presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), a quem Bolsonaro atacou recentemente, decidir se dá ou não andamento a um desses pedidos.

Por Eduardo Simões

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up