for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Nacional

Vacina para Covid-19 será testada no Brasil com recursos do Ministério da Ciência e Tecnologia

Cientistas selecionam amostras durante pesquisa para vacina contra Covid-19 11/06/2020 REUTERS/Anton Vaganov

(Reuters) - Uma vacina experimental para a Covid-19, doença respiratória causada pelo novo coronavírus, desenvolvida em parceria entre a empresa norte-americana PDS e a brasileira Farmacore, passará por testes clínicos no Brasil com recursos financiados pelo governo federal via Ministério da Ciência e Tecnologia, informou a PDS em comunicado nesta quarta-feira.

A vacina Versamune-CoV-2FC combina uma proteína SARS-CoV-2, desenvolvida pela Farmacore, com a nanotecnologia da plataforma Versamune, da PDS Biotech, disse a companhia.

As empresas planejam utilizar centros de pesquisa nos Estados Unidos e no Brasil para acelerar os ensaios pré-clínicos e clínicos da Versamune-CoV-2FC.

“Estamos entusiasmados para expandir nossa colaboração contínua com a Farmacore, que oferece uma oportunidade para avançar rapidamente no desenvolvimento de uma nova vacina para a Covid-19 rumo a testes clínicos de fase 1 no Brasil”, disse o presidente-executivo da PDS Biotech, Frank Bedu-Addo, em comunicado.

“Acreditamos que o emparelhamento da tecnologia Versamune de ativação de células T, da PDS Biotech, com a proteína SARS-CoV-2 recombinante, da Farmacore, nos permitirá avaliar rapidamente a eficácia da Versamune-CoV-2FC para reduzir potencialmente a propagação contínua de infecções por Covid-19”, acrescentou.

A Farmacore manterá os direitos de comercialização na América Latina, ao passo que as receitas das vendas na região serão compartilhadas entre as duas empresas, de acordo com o comunicado.

Financiamentos adicionais para o desenvolvimento da vacina estão em discussão com outras agências governamentais e não governamentais. O valor do financiamento realizado pelo Ministério da Ciência e Tecnologia não foi informado.

Por Débora Moreira, no Rio de Janeiro; Edição de Eduardo Simões

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up