for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Nacional

Amapá opera com apenas 10% da carga de energia após blecaute na terça-feira

Sala de monitoramento do ONS em Brasília (DF) 11/11/2009 REUTERS/Ricardo Moraes

SÃO PAULO (Reuters) - A carga de energia no Amapá é de 30 MW até o momento, o que equivale a 10% do total consumido no Estado, enquanto autoridades lidam para restaurar a eletricidade na área atingida por um blecaute iniciado com incêndio em transformador na última terça-feira, informou o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) nesta quinta-feira.

O ONS disse ainda que técnicos estão fazendo “todo o esforço para retornar com um dos transformadores da subestação de Macapá e, com isso, conseguir restabelecer cerca de 70% da carga de todo o Amapá no menor prazo possível”.

Até o momento, já voltou a operar a hidrelétrica Coaracy Nunes.

O diretor-geral do ONS, Luiz Carlos Ciocchi, e o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, estão no Estado acompanhando a situação. O governo criou uma força-tarefa para atuar no caso.

“Ressaltamos que a situação está sendo gradativamente contornada e que as equipes destacadas permanecerão mobilizadas até que o fornecimento de energia do Estado volte ao normal”, disse o ONS sobre o problema, que já vai completar 48 horas.

Por Rodrigo Viga Gaier; edição de Roberto Samora

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up